Sociedade

Moreirense suspenso das competições durante um ano por corrupção ativa

O Moreirense terá subornado futebolistas da Naval 1.º de Maio e do Santa Clara para subir à 1.ª Liga

DR  

De acordo com o JN, esta sexta-feira, o Moreirense foi condenado a um ano de suspensão em competições desportivas, depois de terem sido provados quatro crimes de corrupção ativa.

O Moreirense terá subornado futebolistas da Naval 1.º de Maio e do Santa Clara. O objetivo era prejudicar as próprias equipas e ajudar o Moreirense a ganhar de modo a ser promovido à 1.ª Liga, no final da época de 2011/2012.

Além da suspensão, segundo o JN, o clube terá de pagar 250 euros por dia, durante 450 dias, perfazendo um valor total de 112 mil euros e 500 euros de multa.

Os restantes arguidos, entre eles o filho do presidente e o vice-presidente, foram condenados a penas suspensas mediante o pagamento de fianças que variam entre os mil e os cinco mil euros para associações de solidariedade.

O Moreirense vai recorrer da decisão com o argumento de que não ficou provado o envolvimento do clube nos atos de corrupção.