Sociedade

Operação Lex. Juíza Fátima Galante suspensa

Juíza desembargadora contava regressar ao Tribunal da Relação de Lisboa esta semana 

Esta terça-feira, o Conselho Superior da Magistratura decidiu, em plenário, suspender novamente a juíza Fátima Galante, arguida no processo da Operação Lex. 

A juíza desembargadora previa voltar ao Tribunal da Relação de Lisboa já esta semana, uma vez que o Supremo Tribunal de Justiça tinha revogado a suspensão de funções de Fátima Galante. 

Enquanto decorre o processo disciplinar, esta medida trata-se então da suspensão preventiva. 

Recorde-se que esta medida já tinha sido aprovada pelo órgão que tutela os juízes envolvidos nesta operação, mas que acabou por não ser aplicada uma vez que o juiz do Supremo Tribunal de Justiça tinha ouvido Fátima Galante no primeiro interrogatório, tendo optado por decidir neste sentido.