Internacional

Polícia investiga "violação de grupo" num jardim-de-infância

Vítima e agressores têm quatro anos

A polícia de Paris recebeu uma denuncia sobre uma “violação em grupo” num jardim-de-infância. O episódio envolve apenas crianças, vítima e agressores têm quatro anos.

O jornal Le Parisien, dá conta de que uma menina terá sido isolada por três colegas que depois de a despirem terão praticado uma "penetração com os dedos".

A situação ocorreu no mês passado e a direção da escola desaconselhou os pais da menina a apresentarem queixa, mas isso não invalida que o caso esteja a ser levado a sério pelos investigadores.

A escola vai organizar uma reunião com a presença de um pedopsicólogo para ouvir os "os profissionais sobre o que aconteceu", anunciou ao jornal francês o presidente do 13.º arrondissement de Paris, onde fica o jardim-de-infância.

O caso embora muito inquietante não terá provavelmente matéria legal, a idade das crianças levanta questões legais importantes, ainda que os investigadores qualifiquem o comportamento como violação.

Em França, um menor pode ser considerado culpado de um crime, mas se tiver menos de dez anos, como é o caso, não pode ficar sujeito a sanções penais.