Sociedade

Marcelo lembra Antero da Palma-Carlos como "referência da medicina"

Imunoalergologista faleceu quinta-feira aos 86 anos. Presidente da República destaca "exemplo maior de médico humanista".

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, recordou este sábado o médico Antero da Palma- Carlos, como um "exemplo maior de médico humanista, especialista de renome mundial no campo da Imunoalergologia". O médico faleceu esta quinta-feira aos 86 anos.

Numa nota oficial no site da Presidência, Marcelo Rebelo de Sousa destacou ainda a obra científica do médico e a "marca indelével em milhares de discípulos da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa" que Antero da Palma-Carlos deixou.

"A par da atividade clínica, científica e pedagógica que o notabilizou como um dos nomes cimeiros da Medicina portuguesa do século XX, o Professor Antero da Palma-Carlos cultivou as artes e a música, com destaque para a ópera, sobre a qual escreveu textos luminosos, que deslumbram pela densidade do saber, pela clareza da escrita e pelo seu profundo sentido humano", escreveu ainda o Chefe de Estado.