Sociedade

New York Times publica artigo dedicado à calçada portuguesa

Calçada portuguesa é descrita como “tapeçaria”

O New York Times publicou, no fim de semana passado, um artigo dedicado à calçada portuguesa, aproveitando para falar sobre a sua história e o seu valor artístico.

Uma jornalista da publicação norte-americana, Kathleen Beckett, esteve à conversa com Luísa Dornellas, a diretora das Escolas de Jardinagem e Calceteiros, que lhe contou que as calçadas são como “tapetes de pedra que nem sempre as pessoas notam”.

Na mesma peça, é também referida a obra de Vhils em homenagem à fadista Amália Rodrigues, que se pode encontrar em Alfama desde 2015.

O New York Times destaca ainda a evolução da calçada portuguesa pela capital até outras partes partes do mundo, mencionando várias cidades e países onde esta se pode ser encontrar, como é o caso do memorial de homenagem a John Lennon no Central Park, em Nova Iorque, nos EUA, bem como no “Brasil, Angola, China e Moçambique”.

O jornal descreve ainda este típico pavimento português como fazendo parte do passado colonial e histórico de Portugal, que influenciaram um estilo decorativo que é única e exclusivamente luso.