Internacional

Mãe mata dois filhos adolescentes com o auxílio do namorado

As autoridades avançaram que não se encontram à "procura de mais suspeitos" e que o crime está "confinado a uma só propriedade".

Sarah Barrass, de 34 anos é acusada de ter matado os dois filhos adolescentes com o auxílio do companheiro Brandon Machin, de 37 anos. Em causa está também a tentativa de homicídio dos outros dois filhos menores da mulher. O insólito ocorreu em South Yorkshire, Sheffield, no Reino Unido, na sequência daquilo que as autoridades britânicas descrevem como um “grande incidente”.

A polícia foi chamada ao local na última sexta-feira, por volta das 7h30. Tristan e Blake Barrass, de 13 e 14 anos, respetivamente, morreram após um alegado envenenamento. De acordo com o Daily Mail, os rapazes enviaram uma mensagem a um amigo pelas 7h, através de uma consola Nintendo Switch, afirmando que se estavam a sentir “enjoados”.

O casal apresentou-se hoje no tribunal de Sheffield, com uniformes cinzentos de presidiário, para uma curta audiência de 10 minutos. Acompanhados por três agentes de segurança, limitaram-se a confirmar dados pessoais como os nomes, as idades, a morada e a nacionalidade.

Foi criada uma campanha de crowdfunding (angariação de fundos online) para auxiliar as crianças sobreviventes, que necessitaram de tratamento hospitalar após o “incidente”. Gill Furniss, deputada trabalhista de Sheffield Brightside e Hillsborough, confessou estar "profundamente entristecida com o trágico acontecimento”, segundo o Evening Standard.

Devido à natureza das ofensas, a fiança não é aplicável. Barrass e Machin foram detidos sob custódia e terão de comparecer ao tribunal de Sheffield novamente na terça de manhã.