Sociedade

Portugueses fizeram 76840 reclamações sobre transportes em 2018

A Comboios Portugal está em número 1.
 

Os portugueses apresentam 76 840 reclamações contra o mau serviço dos transportes em Portugal, de acordo com dados da Autoridade da Mobilidade e dos Transportes apresentados ao Diário de Notícias, o que mostra um aumento de 25,3% comparativamente ao ano de 2017.

Entre as milhares de reclamações, os problemas mais apontados são os preços das viagens, o mau cumprimento ou incumprimento dos transportes e a qualidade do atendimento, seja presencial ou via telefónica. A Comboios Portugal foi a transportadora a receber um maior número de queixas. No total, a CP recebeu 33419 queixas, o que equivale a 92 reclamações por dia, tornado-a assim responsável por 43,5% das denúnicas.

Entre as reclamações feitas no Porto e Lisboa, o Porto recebeu um número superior de queixas no que toca às viagens de metro e autocarro. 

O metro do Porto recebeu 3920 reclamações este ano enquanto que em 2017 recebeu apenas 1639. No Metro de Lisboa houve menos reclamações. 4730 contra 6060 em 2017. 

Nos autocarros, a STCP da cidade do Porto recebeu 3456 queixas. Em Lisboa, a Carris recebeu 6027 queixas, um número inferior ao de 2017.