Sociedade

Sindicato dos Motoristas de Mercadorias reunido com Antram

O Sindicato Independente dos Motoristas de Mercadorias está no ministério das Infraestruturas a negociar com a Antram. Pedro Nuno Santos está a mediar o encontro

O Sindicato Independente dos Motoristas de Mercadorias (SIMM) está, esta quinta-feira, reunido com a Antram no ministério das Infraestruturas. Pedro Nuno Santos, ministro das Infraestruturas e da Habitação, está a mediar o encontro. 

A reunião surge depois de a Antram recusar o pedido do Governo para negociar com o Sindicato Nacional de Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP). Os patrões não voltaram atrás com a palavra e continuam a dizer que só negoceiam com os motoristas de matérias perigosas se a greve for cancelada.

No entanto, a palavra serve apenas para o sindicato que representa os motoristas de matérias perigosas, já que a Antram se encontra a negociar com o outro sindicato em greve. 

Ao contrário do SNMMP, que se tem multiplicado em declarações, o sindicato que representa os motoristas de mercadorias optou, ao longo desta semana, por se remeter ao silêncio. Além de não atender qualquer chamada, o porta-voz do SIMM, Anacleto Rodrigues, não fez qualquer declaração à comunicação social.

As estratégias dos sindicatos e dos patrões mudaram. Uns não fazem declarações, como é o caso de Anacleto Rodrigues. Pedro Pardal Henriques passou a falar menos e, apesar de continuar a falar ao ouvido do presidente do SNMMP, passou a palavra a Francisco São Bento. Por último, André Matias de Almeida saltou para segundo plano nas conferências aos jornalistas e quem falou na última aparição da Antram foi Pedro Polónio, vice-presidente da associação.