Internacional

Prémio Nobel da Química destaca desenvolvimento de baterias de iões de lítio

Vencedores são John B. Goodenough, M. Stanley Whittingham e Akira Yoshino.

O Prémio Nobel da Química 2019 foi atribuído, esta quarta-feira, a três cientistas, devido ao seu trabalho no desenvolvimento de baterias de iões de lítio.

O prémio foi atribuído a John B. Goodenough, M. Stanley Whittingham e Akira Yoshino, anunciou a Real Academia das Ciências sueca.

O anúncio do prémio foi feito em Estocolmo, na Suécia, pelo secretário geral da Academia, Goran Hansson.