Sociedade

Mulher envia cartas com ameaças e pede 100 mil euros em troca de "paz"

Militares do posto de Celorico de Basto da GNR e do Núcleo de Investigação Criminal do Destacamento de Fafe montaram cilada com a vítima para apanhar suspeita.

Uma mulher de 60 anos foi detida, esta segunda-feira, pela GNR, por tentar extorquir 100 mil euros a uma outra mulher.

A mulher, de Celorico de Basco, enviava cartas anónimas à vítima, que vivia na mesma vila, a ameaçar de morte a mulher e os seus familiares mais próximos, segundo o Jornal de Notícias. Em troca de “paz”, exigia a quantia de 100 mil euros.

Juntamente com a vítima, militares do posto de Celorico de Basto da GNR e do Núcleo de Investigação Criminal do Destacamento de Fafe, montaram uma cilada e, na segunda-feira, as duas mulheres combinaram encontrar-se para a entrega do dinheiro. A mulher acabou por ser detida quando, em vez de se deparar com a vítima, os militares estavam à sua espera.

Segundo a mesma publicação, as duas mulheres conheciam-se, porém, a vítima nunca desconfiou. A mulher de 60 anos foi presente a Tribunal local para primeiro interrogatório judicial.