Vida

Conan Osíris acusa TVI de racismo

O comediante Diogo Faro também condenou o canal e acusou-o de promover o racismo. “É Mário Machado, é Maria Vieira, é Suzana Garcia. A TVI promove tanto o racismo que um dia destes troca o T da sigla por uma cruz a arder", escreveu na sua conta oficial de Facebook.

O cantor Conan Osíris acusou a TVI de "normalizar" o assassinato do jovem cabo-verdiano Luís Giovani Rodrigues, que foi espancado à porta de uma discoteca em Bragança e abriu guerra contra o canal. 

"Olá, TVI. Já não peço para pedirem desculpa por, desde que a Cristina [Ferreira] saiu, levarem todo o tipo de m**** nazi ao programa ['Você na TV']. Mas desta vez é guerra. Normalizar um crime desta natureza é guerra. O modo como puseram a m**** do Natal e do Ano Novo acima dum linchamento é guerra", escreveu o cantor no Instagram, onde partilhou uma fotografia de Suzana Queiroz com um boneco de palhaço a tapar-lhe a cara.

Recorde-se que os comentários da advogada Suzana Queiroz, na rubrica Crónica Criminal, do programa da TVI Você na TV, na segunda-feira, sobre o assassinato do jovem cabo-verdiano, geraram bastante polémica. Questionada sobre o facto de o caso não ter sido “muito falado na comunicação social”, Suzana Queiroz mostra não concordar. “Primeiro falou-se. Não se falou foi histericamente como esta gentalha queria que se falasse, segundo, as festividades estavam a acontecer quando tivemos notícia do facto”, disse. “Quando um branco foi morto pelos pretos não suscitamos aqui nenhum incidente racista não dissemos nada, da mesma forma nada tínhamos que dizer só porque a vitima foi um preto”, acrescentou.

Além de Conan Osíris, também o futebolista Rúben Semedo se mostrou indignado com o porquê de caracterizar “os cabo verdianos de ‘gentalha’?” e a ter acusado de não saber o significado da palavra respeito. O comediante Diogo Faro também condenou o canal e acusou-o de promover o racismo. “É Mário Machado, é Maria Vieira, é Suzana Garcia. A TVI promove tanto o racismo que um dia destes troca o T da sigla por uma cruz a arder", escreveu na sua conta oficial de Facebook.