Sociedade

Prédio em Santarém evacaudo pela Proteção Civil por precaução

Entre 14 a 19 moradores tiveram de abandonar as suas casas.

Um prédio em Santarém foi evacuado pela Proteção Civil, por precaução, depois de alguns dos elementos estruturais do edifício terem caído e terem sido encontradas fissuras. Entre 14 a 19 moradores tiveram de abandonar as suas casas, avançou a agência Lusa

O comandante dos Bombeiros Municipais de Santarém e coordenador da Proteção Civil municipal, José Guilherme explicou que obras não licenciadas, realizadas por um dos moradores, que incluí a construção de uma piscina, está na causa do problema, tendo as chuvas dos últimos dias agravado o problema. 

“Não podemos correr riscos”, disse José Guilherme, adiantando ue sexta-feira será feita uma avaliação técnica por uma equipa da Comissão Técnica de Vistorias do município, onde será revista a segurança do prédio e decidido se os moradores podem voltar a residir no edifício. 

Dois casais e uma idosa estão a viver em casa de familiares e duas famílias, uma constituída por seis pessoas e outra por três estão num hotel da cidade. Por outro lado, a família do morador responsável pelas obras não licenciadas decidiu ficar no prédio, contra a vontade da Proteção Civil.