Sociedade

Governo vai investigar caso da mulher alegadamente agredida por PSP

Informação surgiu em forma de comunicado

O Ministério da Administração Interna (MAI) determinou hoje "à Inspeção Geral da Administração Interna (IGAI) a abertura de um inquérito para apuramento dos factos relacionados com a atuação policial ocorrida domingo, na Amadora, após o pedido de intervenção do motorista de um autocarro de passageiros".

Assim sendo, a PSP irá agora transmitir à IGAI todos os elementos da averiguação interna que tem estado a realizar nos últimos dias, para que esta entidade investigue assim o caso de violência que Cláudia Simões, uma mulher angolana de 42 anos, alega ter sido alvo.

Recorde-se o caso ganhou mediatismo depois de uma amiga da vítima ter partilhado um vídeo da detenção de Cláudia e imagens da sua face com ferimentos graves nas redes sociais.