Vida

Atriz criticada por chamar "violador" a Kobe Bryant, horas depois da sua morte

"Ele era um herói do desporto. Ele também foi um violador ", escreveu a atriz, na rede social Twitter. 

Um comentário da atriz norte-americana Evan Rachel Wood, no Twitter, está a gerar polémica nas redes sociais. Poucas horas depois de ter sido anunciado, pelo site TMZ, que a estrela de NBA Kobe Bryant tinha morrido num acidente, a atriz reagiu à notícia e chamou o jogador de violador.

"Ele era um herói do desporto. Ele também foi um violador", escreveu a atriz, na rede social Twitter, no domingo. "Estas realidades podem existir em simultâneo", acrescentou, associando a publicação ao movimento #MeToo.

Rapidamente, os fãs do jogador criticaram a atitude da atriz e pediram respeito pelo jogador e pela sua família. "Aí está o movimento metoo completamente fora do controle. A atacar um homem que morreu nem há 24 horas", atacou um fã. Depois de receber diversas críticas, a atriz decidiu colocar a sua conta privada, no entanto, o assunto continua a ser comentado nas redes sociais e continuam a 'chover' críticas a Evan Rachel Wood. 

Recorde-se que Kobe Bryant foi acusado em 2003 de ter agredido sexualmente uma empregada de um hotel, no estado norte-americano do Colorado. Apesar de o caso não ter ido avante, visto a alegada vítima ter decidido não testemunhar, Bryant, apesar de dizer que era inocente e que a relação tinha sido consensual, o jogador acabou por pedir desculpa à jovem através de um comunicado, por ter percebido que a mulher tinha interpretado o que tinha acontecido de outra forma.