Vida

Júlia Pinheiro recorda entrevista com Diogo Carmona e confessa: "O Diogo precisa de colo"

Apresentadora admite que "após tantos anos de experiência em televisão" fez um esforço quase "ultra-humano" para encontrar as palavras certas.

Depois de ter sofrido um acidente que o obrigou a amputar um pé, Diogo Carmona tornou-se um assunto recorrente na comunicação social. No passado dia 7 de fevereiro, o jovem decidiu dar a sua primeira entrevista, após o sucedido, a Júlia Pinheiro, que agora decidiu escrever sobre essa mesma conversa no seu blogue.

“Como sabem, o Diogo Carmona começou a sua carreira com apenas 5 anos. Ainda sem perceber exatamente o que era um ator, já decorava texto e representava como gente grande. Aos 10 anos, somava elogios. E quando todos julgavam que o Diogo somava também motivos para ser feliz, a imprensa começou a retratar uns bastidores que em muito divergiam dos adjetivos que temos tendência a associar à fama”, começou por escrever no texto intitulado “Sobre o Diogo”.

A apresentadora da SIC recorda as últimas polémicas que envolvem o ator, e confessa o que sentiu no dia da entrevista.

“Sabemos do internamento psiquiátrico, das duras batalhas com a mãe, do acidente e da amputação do pé. O que não sabe e que eu vou escrever aqui hoje: após tantos anos de experiência em televisão, há dias em que fazemos um esforço quase ultra-humano para encontrar as palavras certas. Este foi um dia. Há dias em que sentimos que o entrevistado nos dá uma espécie de permissão para conduzi-lo ‘ao colo’. E o Diogo precisa de colo. Todos precisamos, certo?”, questionou.

“Por fim, duas situações que me comoveram. E eu sou dura (tento) na arte da comoção. O Diogo escolheu-me para dar a sua primeira entrevista após o acidente. Não tinha percebido porquê até ele confidenciar-me que segue o meu instagram. Porquê Diogo, questionei. Porque lá encontra muita… ‘família’, disse. E assim, fica tudo dito, não fica? E eu que pensava que sabia muito sobre o Diogo. Mas não sabia que já gostava muito deste miúdo”, rematou.