Sociedade

Açores confirma primeiro infetado e lança apelo a passageiros de voo

Doente esteve em Amesterdão e em Felgueiras e chegou ao arquipélago num voo da Ryanair que partiu do Porto.

Uma mulher de 29 anos, residente na Terceira, que terá estado em Amesterdão e em Felgueiras é o primeiro caso de covid-19 nos Açores. As autoridades procuram os outros passageiros do voo da Ryanair.

A Autoridade de Saúde dos Açores anunciou, esta madrugada, que foi detetado o primeiro caso de resultado positivo de infeção pelo novo coronavírus.

O Gabinete de Apoio à Comunicação Social (GACS), a autoridade de saúde regional, adiantou, através de comunicado, que se trata de uma mulher de 29 anos, residente na ilha Terceira, que terá estado em Amesterdão, na Holanda, e em Felgueiras, no continente.

“Neste momento, apresenta situação clínica estável e está internada no Hospital de Santo Espírito da Ilha Terceira”, lê-se no comunicado, que acrescenta que “o resultado positivo aguarda contra-análise pelo Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge”.

A mesma autoridade deu conta de que estão a tratar da vigilância dos contactos mais próximos, bem como dos passageiros do voo Ryanair FR6037 Porto/Terceira, no qual a doente viajou a 9 de março.