Internacional

Príncipe Carlos aconselha britânicos a trabalharem na agricultura

As restrições de viagem resultou numa falta de mão-de-obra no setor da agricultura que depende de imigrantes para apanhar frutos e vegetais.

O príncipe Carlos juntou-se hoje à campanha pública de apelo aos britânicos para se juntarem a um esforço nacional de apoio aos agricultores britânicos para apanhar frutas e legumes devido à falta de trabalhadores sazonais.

"Nos próximos meses, muitos milhares de pessoas vão ser necessárias para fazerem as colheitas. Vai ser um trabalho duro, mas é muito importante para evitar que sejam desperdiçadas", urgiu, num vídeo divulgado hoje. 

As restrições de viagem impostas devido à pandemia de covid-19 resultou numa falta de mão-de-obra no setor da agricultura britânico, que depende de imigrantes para apanhar morangos, alfaces e outros frutos e vegetais. 

O ministro do Ambiente, George Eustice, revelou hoje que até agora só chegou um terço dos trabalhadores que normalmente vêm da Roménia e Bulgária para a época das colheitas, que se prolonga até ao outono.

Uma página eletrónica da campanha 'Pick for Britain' [Colher pelo Reino Unido] foi criada com vagas para desempregados, estudantes ou trabalhadores em 'lay-off'.  

"É claro que este ano vamos ter de depender de trabalhadores britânicos para ajudar nas colheitas", disse o ministro, que sugeriu aos trabalhadores com contratos suspenso que esta pode ser uma forma de ganhar um rendimento suplementar.