Economia

Layoff. Segurança Social já pagou 470 milhões

Regime já ajudou cerca de 804 mil postos de trabalho.

A Segurança Social já pagou, até ao momento, 470 milhões de euros para as empresas que recorreram ao layoff simplificado.

O valor foi revelado pela ministra do Trabalho, da Solidariedade e da Segurança Social, que garantiu que este regime já ajudou cerca de 804 mil postos de trabalho, tendo abrangido mais de 99 mil empresas.

Na sua intervenção num debate parlamentar, Ana Mendes Godinho explicou ainda que em dois meses, e devido às medidas extraordinárias no âmbito da pandemia de covid-19, o Estado já gastou um total de 620 milhões de euros em apoios que abrangeram 1,2 milhões de trabalhadores.

No que diz respeito aos trabalhadores independentes, a ministra avançou que este apoio “já abrangeu 160 mil trabalhadores e o apoio aos sócios-gerentes chegou a cerca de 14 mil. Assistiu-se também à prorrogação automática das prestações sociais mínimas para que ninguém fique para trás – algo que já abrangeu mais de 40 mil pessoas”, disse.

 Ana Mendes Godinho revelou que os projetos-piloto para os cuidadores informais vão ter início em junho e que a tutela assume o compromisso do “pagamento de retroativos”. Além de ser reconhecido o estatuto de cuidador informal, cada um terá acesso a planos de intervenção e ao apoio de profissionais de saúde.