Sociedade

Há 25 anos que não havia tantas candidaturas de acesso ao ensino superior

Este ano, 62.675 pessoas inscreveram-se na primeira fase do Concurso Nacional de Acesso ao ensino superior público.


O ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior anunciou, esta segunda-feira, que o número de candidaturas à primeira fase do Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior foi o mais elevado desde 1996.

"Candidataram-se 62.675 estudantes à 1.ª fase do Concurso Nacional de Acesso (CNA) ao ensino superior público no ano letivo de 2020-2021, representando um aumento de 11.384 candidatos face a 2019 (quando se tinham candidatado 51.291 estudantes até igual momento, tendo sido consideradas 51.036 candidaturas como válidas)", lê-se num comunicado emitido pelo ministério tutelado por Manuel Heitor.

O ministério estima ainda que haja cerca de 90 mil novos estudantes matriculados no próximo ano letivo, uma diferença de 6 mil estudantes face ao ano passado.

Os resultados da primeira fase do concurso serão publicados a 28 de setembro. Para o ministério, "o aumento de candidatos nesta fase do acesso ao ensino superior público representa um sinal de confiança dos jovens e das suas famílias na formação superior e nas suas instituições, bem como nas vantagens decorrentes da qualificação superior, especialmente no contexto da crise internacional emergente associada à covid-19".

Os comentários estão desactivados.