Sociedade

Detenções por violência doméstica diminuíram 32% desde início da pandemia

Números baixaram em comparação com o mesmo período do ano passado.


As detenções por violência doméstica diminuíram 32% desde o início da pandemia de covid-19 em comparação com o mesmo período de 2019.

De acordo com o chefe da divisão de policiamento e ordem pública da PSP, Pedro Grilo, registou-se “uma diminuição efetiva” de queixas por violência doméstica, entre 18 de março e 1 de outubro.