Sociedade

Risco de colapso nos hospitais. Estado de emergência está iminente

O SOL apurou que Marcelo Rebelo de Sousa e António Costa já falaram sobre a hipótese de voltar a ser decretado o estado de emergência.

Portugal pode regressar ao estado de emergência já nos próximos dias, face à evolução galopante de novos casos de covid-19. O SOL apurou que Marcelo Rebelo de Sousa e António Costa já falaram sobre a hipótese de voltar a ser decretado o estado de emergência. O Presidente alertou ontem para a necessidade de o «Governo agir» perante o agravamento da pandemia e o próprio primeiro-ministro, ontem à tarde, admitiu que o chefe de Estado poderá ter que ponderar o recurso a esta medida drástica.

Peritos ouvidos pelo SOL prevêm que na próxima semana «o número de novos casos diários de covid-19 só na região norte vai passar os 2000 e não é impossível que atinja os 3000». Os especialistas reconhecem que a situação, neste momento, já «é explosiva» em várias unidades de saúde do país, com particular incidência no norte. Por outro lado, os mesmos peritos são unânimes em considerar que sem novas medidas e muito mais restritivas a situação vai continuar a agravar-se de forma muito preocupante. Além disso, o agravamento das condições climatéricas – com frio e chuva – ainda complicam mais as coisas.

Saiba mais na edição impressa do SOL, amanhã nas bancas. Agora também pode receber o jornal em casa ou subscrever a nossa assinatura digital.