Economia

Covid com impacto de 200 milhões em Lisboa

Números foram avançados pelo vice-presidente da autarquia. 

A pandemia terá um impacto de 200 milhões de euros no orçamento de 2021 da Câmara Municipal de Lisboa, distribuídos em partes iguais pela despesa e pela receita. Os números foram avançados pelo vice-presidente da autarquia. Segundo João Paulo Saraiva, a dotação de 100 milhões da despesa relacionada com a pandemia poderá ser reforçada através da reserva de contingência, que terá alocados cerca de 85 milhões.

«Na despesa estamos preparados para, se tivermos uma pandemia mais intensa e mais profunda nos seus efeitos, mais prolongada, termos condições, através da reserva de contingência, de reforçar essas mesmas dotações». Além desta reserva de contingência, a autarquia lisboeta (liderada pelo PS) «irá deixar reservada alguma capacidade de endividamento a que recorrerá caso tudo corra ainda pior».

Ao nível da receita, a taxa municipal turística será a que terá maior prejuízo, estando apenas inscritos 14,5 milhões para o próximo ano.