Internacional

Vacina da Moderna autorizada pela Comissão Europeia

Moderna junta-se à Pfizer/BioNTech na lista de vacinas administradas na União Europeia.

A Comissão Europeia aprovou nesta quarta-feira a vacina da farmacêutica norte-americana Moderna. A presidente da Comissão, Ursula Von der Leyen, fez o anúncio através da rede social Twitter.

“Estamos a providenciar vacinas seguras e eficazes contra a covid-19 para os europeus. Autorizámos a vacina da Moderna, a segunda vacina aprovada na UE. A Europa garantiu até agora 2 mil milhões de doses de potenciais vacinas - mais do que suficiente para nos proteger", pode ler-se na publicação.

Agora, Moderna junta-se à Pfizer/BioNTech na lista de vacinas administradas na União Europeia. É de mencionar que este era o passo que faltava para que vacina pudesse ser administrada na Europa, depois de a Agência Europeia do Medicamento (EMA) ter recomendado a utilização condicional da vacina da Moderna também hoje.

"A EMA recomenda conceder autorização de comercialização condicional para a vacina contra a covid-19 da Moderna para prevenir a doença em pessoas com mais de 18 anos", afirma o comunicado da entidade reguladora europeia.