Cultura

Touch de Clo Bourgard é a nova exposição do Taguspark

Mostra convida a revisitar o ano de 2020, quando Touch foi que esteve mais em falta. Artistas convida cada visitante a deixar uma mensagem para 2021.

A exposição Touch da artista Clo Bourgard pode ser vista no Núcleo Central do Taguspark a partir desta segunda-feira e até 12 de março.

Touch convida a revisitar o ano de 2020 e o que esteve mais em falta – Touch (toque) - num ano muito conturbado. A mostra conta com duas esculturas, três instalações artísticas provocatórias e uma instalação central que refletem essa viagem à interação humana.

 “Touch é uma viagem ao universo dos afetos. É uma tentativa de comunicação entre o objeto inanimado e os complexos circuitos do entendimento da sobrevivência emocional sem artifícios. Numa altura em que o síndrome do pensamento acelerado está em voga e não é oportuno esperar e entender, esta exposição aborda o tema da emoção através da Arte. Para descobrir o que nos faltou em 2020”, explicam os curadores da exposição.

Clo Bourgard lembra que “2020 foi um ano marcado pela devastadora pandemia, que levou à perturbação social económica global. Causou caos, cancelamentos e adiamentos”.

A artista sublinha ainda que a cultura foi amplamente afetada, mas que precisamos de comunicar através dela, “por caminhos visuais e cognitivos de entendimento da emoção”. “O Touch fica para mais tarde”, acrescenta, pedindo também que cada visitante “deixe uma mensagem para 2021”.