Internacional

Youtubers gravaram vídeo com máscara falsa em supermercado e agora enfrentam deportação | Vídeo

Imagens tornaram-se virais.

Dois youtubers poderão ser deportados da Indonésia, depois de terem feito um vídeo em que aparecem a usar máscaras pintadas no rosto, quebrando as regras sanitárias em vigor no país para conter a propagação da covid-19.

Segundo a CNN, as autoridades de Bali já confiscaram os passaportes aos dois jovens e o caso ganhou uma grande dimensão, uma vez que as imagens se tornaram virais nas redes socais. Josh Paler Lin é de Taiwan e vive nos Estados Unidos, e Leia, é russa.

No vídeo em questão, a jovem tenta entrar num supermercado em Bali, sem máscara, e é impedida. Posteriormente, pinta uma máscara no rosto, de forma a parecer uma máscara real, e consegue entrar no espaço comercial.

O vídeo foi publicado a 22 de abril no Youtube por Josh Paler Lin, que tem mais de 2,4 milhões de subscritores na plataforma, e rapidamente se tornou viral.

Os youtubers desrespeitaram as regras do país, que tem medidas restritas sobre o uso de máscara.

O vídeo já foi removido das redes sociais e o casal já pediu desculpa pelo sucedido. “A intenção deste vídeo não era, de todo, desrespeitar ou convidar as pessoas a não usarem a máscara. Fiz este vídeo para entreter as pessoas, porque sou um criador de conteúdos, e esse é o meu trabalho", disse Josh.

Contudo, a brincadeira, pode mesmo ter saído cara aos jovens.