Politica

Emigrantes vão poder votar eletronicamente nas legislativas de 2023

Será realizado um teste piloto no início de 2022. 


Nas legislativas de 2023, os eleitores que vivem fora de Portugal vão poder votar eletronicamente. A informação foi avançada este sábado pela secretária de Estado das Comunidades Portuguesas, Berta Nunes, em declarações à agência Lusa.

Segundo a governante, será feito um teste piloto no início de 2022 nas eleições para o Conselho das Comunidades.

“Se este teste correr bem e mostrar que é possível, que é confiável, que as pessoas aderem e que não se colocam problemas de segurança, podemos esperar alargar este teste e poder até a vir a utilizá-lo nas legislativas”, disse, citada pela Lusa.

“A participação eleitoral precisa que todos os cidadãos votem”, defendeu ainda.

De acordo com Berta Nunes, estima-se que o teste necessite de seis meses de preparação, antecipando ainda que a alteração à lei do Conselho das Comunidades, nomeadamente o artigo (44.º) sobre a forma de votação, seja aprovada nas próximas semanas.

Berta Nunes garantiu ainda que também o voto postal está “a ser aperfeiçoado”.