Vida

Anya Taylor-Joy revela que enfrentou paparazzo depois de chorar por se sentir intimidada

Atriz falou sobre pressão dos paparazzi.


Anya Taylor-Joy, atriz que ficou nas luzes da ribalta depois de protagonizar a minissérie da Netflix ‘Gambito de Dama’, falou sobre a atenção que recebe por parte dos fãs e dos paparazzi e como isso a afeta.

“A maior parte das pessoas é doce e gentil e só quer ter uma conversa, e eu adoro”, começou por dizer, numa entrevista à revista britânica Tatler.

“Há outras vezes em que tu és apenas uma pessoa a enfrentar outras 20 [pessoas] e isso não é fisicamente seguro. Pode ser muito assustador quando há um monte de homens com câmaras a correr atrás de ti na rua”, desabafou.

A atriz acabou por recordar o ataque que sofreu por parte dos paparazzi depois de apresentar o programa 'Saturday Night Live', em abril deste ano, e confessou que chorou ao chegar a casa. Esse momento acabaria por a levar a enfrentar um paparazzo que estava à sua porta, no dia seguinte.

“Na manhã seguinte eu saí e disse: 'Olá, o meu nome é Anya. Vamos baixar a câmara e conversar’”, lembrou. “Eu não sou uma presa. Eu não quero fugir. Eu preferi falar assim [com o paparazzo]: 'Entendo que este é o seu trabalho e eu espero que possa entender que sou uma mulher, de um certo tamanho, e me sinto intimidada agora, então podemos fazer isto funcionar para que consiga fazer o seu trabalho e eu me possa sentir menos assustada?’”, contou.

Recorde-se que Anya Taylor-Joy, de 25 anos, venceu o Globo de Ouro de melhor atriz em minissérie graças ao seu papel em ‘Gambito de Dama’. “Era um grupo tão bonito, com pessoas que se tratavam com tanta bondade. Eu nunca interpretei uma personagem tão próxima de mim antes”, disse ainda.