Internacional

Marília Mendonça. As imagens do último adeus à 'rainha da sofrência'

Após a notícia da morte, foram milhares os fãs que se dirigiram até à cidade natal da cantora, vindos de vários pontos do Brasil. A imprensa local dá conta de filas de vários metros para entrar no local do velório desde madrugada.

AFP
AFP
AFP
AFP
AFP
AFP
AFP
AFP
AFP
AFP

Milhares de pessoas reuniram-se este sábado no Ginásio Goiânia Arena, no estado brasileiro de Góias, para prestar uma última homenagem a Marília Mendonça. A jovem cantora de 26 anos, apelidada de ‘rainha da sofrência’ pelo peso sentimental das suas músicas, morreu na sexta-feira, após o avião onde seguia ter caído numa cascata na serra de Caratinga, em Minas Gerais.

A cerimónia teve início pelas 13h locais [17h em Lisboa] e estará aberta ao público durante três horas. Depois, o corpo da cantora será levado em cortejo até ao Cemitério Parque Memorial, onde será enterrado pelas 17h30 [21h em Lisboa].

Após a notícia da morte, foram milhares os fãs que se dirigiram até à cidade natal da cantora, vindos de vários pontos do Brasil. A imprensa local dá conta de filas de vários metros para entrar no local do velório desde madrugada.

O avião de pequeno porte, com capacidade para transportar apenas seis pessoas, caiu após bater em cabos de alta tensão de distribuição de energia, a apenas dois quilómetros da pista onde iria aterrar. Além da cantora de sertanejo, morreram também o seu tio e assessor Abicieli Silveira Dias Filho, o produtor Henrique Ribeiro, o copiloto Tarciso Pessoa Viana e o piloto Geraldo Martins de Medeiros Júnior.