Sociedade

Detido pai suspeito de violência doméstica

Mesmo depois de detido, homem continuou a proferir ameaças de morte contra a filha.


Foi detido na passada segunda-feira pelo Comando Metropolitano de Lisboa da PSP (Cometlis), em Marvila, um homem de 46 anos de idade, por ser suspeito da prática do crime de violência doméstica.

Num comunicado, a autoridade explica que o suspeito é pai da vítima e que se dirigia a esta "em tom de voz alto e agressivo", proferindo ameaças de agressão física ao mesmo tempo que a injuriava. 

Para salvaguardar a integridade física da vítima, que se encontrava especialmente vulnerável devido à dependência familiar e económica, a PSP deteve o suspeito.

De acordo com a Cometlis, o suspeito "causou vários danos no interior da habitação, tendo sido devidamente reportados, tal como todos os restantes elementos de prova". Mesmo depois de ter sido detido, o homem continui a proferir ameças de morte contra a vítima, "reforçando-se a necessidade de o sujeitar a medidas adequadas a proteger a vítima para futuro". 

A vítima teve de receber tratamento no Hospital de Santa Maria, uma vez que se encontrava "fragilizada, nervosa e em pânico, fruto do cenário que viveu". 

O detido recolheu às salas de detenção do Comando Metropolitano de Lisboa, tendo sido conduzido ao tribunal Judicial da Comarca de Lisboa, para ser presenta a 1º interrogatório Judicial e aplicação das medidas de coação.

Os comentários estão desactivados.