Internacional

Pai mata acidentamente filho de 14 anos com tiro na cabeça em Angola

O homem empunhou uma pistola contra o jovem, tendo efetuado, alegadamente por descuido, um disparo que atingiu a cabeça do filho, que teve morte imediata. 


Um homem de 35 anos foi detido em Luanda, Angola, depois de ter disparado, supostamente de forma acidental, contra o filho, de 14 anos, enquanto consumia bebidas alcoólicas, anunciou esta segunda-feira o Comando Provincial da Polícia Nacional.

Segundo aquele órgão, o caso ocorreu quando pai e filho se encontravam a conviver no bairro Dangereux, no município de Talatona, e o homem empunhou uma pistola contra o jovem, tendo efetuado, alegadamente por descuido, um disparo que atingiu a cabeça do filho na cabeça, que teve morte imediata. 

No mesmo país, foi detido também este fim de semana um homem de 66 anos, pastor, que espancou a mulher, de 55 anos, até à morte na casa onde ambos viviam, no município de Cazenga.

Nas últimas 72 horas foram ainda detidos dois outros homens, um de 18 e outro de 34 anos, por uso indevido de armas de fogo, 42 pessoas pelos crimes condução em estado de embriaguez e quatro homens com idades entre os 20 e 31 anos, pela presumível autorida de crimes de cariz sexual contra quatro jovens angolanas, três deles menores, com idades compreendidas entre os 15 e os 17 anos. 

Foram ainda registados 21 acidentes de viação, de que resultaram dois mortos por atropelamento e 27 feridos. 

 

Os comentários estão desactivados.