Sociedade

Alimentos contaminados. Sabemos aquilo que comemos?

Em 2019, na Europa, metade de todas as amostras de cerejas, um terço das maçãs, cerca de metade das pêras e dos pêssegos tinham sido contaminados com pesticidas. Será que temos noção de tudo aquilo que ingerimos diariamente?


“Alguns pesticidas podem provocar infertilidade. Enquanto consumidores não temos noção disto”, afirma Miguel Vasques, médico endocrinologista.

Leia: "O lado interessante do aumento da produção de alimentos cai por terra com o crescimento das doenças"

Estudo mostrou que fruta vendida na Europa tem elevados índices de substâncias tóxicas já proibidas pela UE. Maçãs e peras portuguesas revelaram-se entre as mais contaminadas

Associação ZERO lamenta falta de investimento nas alternativas aos pesticidas, que representam um perigo para a saúde.

Leia: "Há alguma falta de investimento nas alternativas aos pesticidas"

“A fruta tem muitas vantagens nutricionais, e outros alimentos estão contaminados e não sabemos disso”, defende a nutricionista Conceição Calhau.

Leia: "O foco não deve estar exclusivamente na maçã e na pêra"

Os comentários estão desactivados.