Sociedade

O SUV desportivo mais refinado de sempre na Carclasse

O novo Range Rover Sport chegou a Portugal e a Carclasse foi o primeiro concessionário na capital a dar a conhecer este SUV mais ‘dinâmico e avançado’ da Land Rover.

O SUV desportivo mais refinado de sempre na Carclasse

A terceira geração do Range Rover Sport foi apresentada ao mundo no passado mês de maio, mas esta terça-feira o primeiro modelo desta nova geração chegou a Lisboa e a Carclasse foi o primeiro concessionário a apresentá-lo na capital. Na companhia dos representantes da marca e seu embaixador, o ator português Lourenço Ortigão, os clientes tiveram a oportunidade de conhecer nas instalações da Carclasse, em Lisboa, este novo SUV que a Land Rover define como sendo o mais «dinâmico e avançado» da gama.

Este maior nível de dinamismo, segundo a fabricante, deve-se à combinação da plataforma modular MLA flexível, que proporciona uma rigidez de até 35 % superior que em modelos Range Rover Sport anteriores, e ainda ao controlo de chassis integrado, que se adapta às condições do terreno.

As novidades são muitas e passam também por uma  suspensão pneumática que incorpora molas pneumáticas selecionáveis, pela primeira vez num Range Rover, e amortecedores ativos com válvula dupla. Esta suspensão de última geração funciona lado a lado com o novo sistema inteligente Dynamic Response Pro que maximiza as opções de suspensão. O sistema ajusta a pressão das molas pneumáticas (uma pressão superior proporciona um amortecimento mais rígido)  para disponibilizar maior conforto sem eliminar o lado desportivo do Range Rover Sport.

Os sistemas do chassis do novo Range Rover Sport são ainda combinados com o Stormer Handling Pack, que inclui direção às quatro rodas, diferencial eletrónico ativo com vetorização do binário através da travagem e programas configuráveis. Estes últimos permitem personalizar os modos de condução e adaptá-los à experiência de condução em estrada e em situações todo-o-terreno.

Além disso, esta terceira geração permite otimizar a capacidade de resposta, pois o veículo monitoriza a estrada à sua frente utilizando os dados de navegação eHorizon para se preparar antecipadamente para as curvas. Também o novo controlo de velocidade de cruzeiro adaptativo todo-o-terreno permite ao condutor selecionar uma das quatro configurações de conforto, e o sistema configura de forma inteligente a velocidade do veículo. Assim, o condutor pode concentrar-se apenas em controlar o volante.

Para os clientes que já se renderam aos elétricos, a versão a propulsão completamente elétrica chega apenas em 2024, mas há à disposição modelos  híbridos plug-in de de seis cilindros, um novo e potente motor V8, e ainda motores Ingenium micro-híbridos diesel de seis cilindros.

De acordo com a Land Rover, o novo modelo híbrido plug-in P510e foi concebido para os condutores que desejam uma «condução de alta performance, grande eficiência e mais de 100 km de autonomia com zero emissões em modo elétrico». Com o motor Ingenium a gasolina de 3,0 litros e seis cilindros e um motor elétrico de 105 kW e bateria de 38,2 kWh desenvolve uma potência total de 510 CV.

Tem uma aceleração de 0 a 100 km/h em apenas 5,4 segundos e disponibiliza uma autonomia elétrica combinada de até 113 km e uma autonomia real expectável de 88 km, suficiente para que a maioria dos clientes realizem 75% dos seus trajetos em modo elétrico. Para as viagens mais longas, o motor híbrido plug-in disponibiliza uma autonomia combinada de gasolina e elétrica de 740 km.

Encontra-se também disponível um modelo híbrido plug-in P440e que desenvolve uma potência total de 440 CV, com a mesma autonomia elétrica. Proporciona também uma aceleração de apenas 5,8 segundos a atingir os 100 km/h.

Em alternativa, o novo motor topo de gama V8 Bi-Turbo de 530 CV acelera de 0 a 100 km/h em apenas 4,5 segundos com a função Dynamic Launch ativada.

No habitáculo, o destaque vai para o ecrã táctil flutuante curvo de 13,1 polegadas localizado no centro do tablier que em conjugação com o sistema de informação e entretenimento Pivi Pro controla desde a navegação aos elementos multimédia e às configurações do veículo, e aprende os hábitos do utilizador para personalizar de forma inteligente a sua experiência a bordo. A Land Rover descreve-o como «um verdadeiro assistente pessoal intuitivo».

Tudo isto é complementado com os novos sistemas de assistência ao condutor (ADAS), centrados na segurança. Todos os modelos deste novo Range Rover Sport incorporam travagem de emergência, Câmara Surround 3D com sensores de estacionamento dianteiros e traseiros, sensores de passagem a vau, visualização do solo ClearSight7 e luzes de manobra, em complemento ao Controlo de Velocidade de Cruzeiro, Monitor da Condição do Condutor, Assistência à Manutenção da Faixa e Reconhecimento de Sinais de Trânsito. 

Esta terceira geração oferece ainda uma ampla variedade de tecnologias no seu interior. Os bancos dianteiros aquecidos e ventilados com 22 ajustes elétricos são equipados com funções de memória e massagem e apoios de cabeça com reforços laterais. Já os ocupantes dos bancos traseiros podem desfrutar de uma geometria ergonómica otimizada com 31 mm de espaço adicional para as pernas e 20 mm de espaço adicional para os joelhos, para maior conforto.

Este SUV conta ainda com um sistema de purificação do ar do habitáculo, que combina o filtro PM2.5 com a tecnologia nanoeTM X para reduzir consideravelmente os odores desagradáveis, as bactérias, mas também o vírus que causa a covid-19.

Para os apreciadores de música, este automóvel dispõe de uma opção de sistema de som avançado, que possibilita uma experiência de som surround através de 29 altifalantes, desenvolvidos em parceria com a Meridian, um novo subwoofer e até 1430 W de potência, além de quatro altifalantes integrados nos quatro apoios de cabeça principais e uma tecnologia de cancelamento ativo do ruído da estrada de nova geração, que no modo de condução dinâmica destaca os sons do motor. No modo de condução normal, os microfones e acelerómetros no interior de cada cava de roda monitorizam continuamente os sons que chegam ao veículo, e os processadores digitais calculam o nível de cancelamento de ruído que deve ser filtrado a partir do habitáculo.

No que diz respeito à segurança, destacam-se ainda os puxadores integrados  com sensor de proximidade, portas com fecho suave e a função de Destrancagem na Aproximação para aceder facilmente ao veículo e a função de Trancagem Automática no Afastamento, que tranca as portas ao afastar-se do veículo.

Os preços arrancam nos 107.231 euros e as várias versões  deste novo modelo do Range Rover Sport já se encontram disponíveis para encomenda na rede oficial de concessionários Land Rover, na qual se inclui a Carclasse.

Segundo a diretora geral da Carclasse Jaguar Land Rover, Armanda Fernandes, a apresentação da terceira geração do Range Rover Sport em Lisboa «foi um sucesso». A responsável destaca que «a opinião dos presentes foi unânime em avaliar esta geração como o SUV desportivo mais refinado de sempre, que personifica a definição de luxo moderno» e que «vai de encontro aos pergaminhos da marca Land Rover que procura ir sempre mais alto e mais além»

Desde o lançamento da primeira geração em 2005, o Range Rover Sport conta com mais de 1 milhão de unidades vendidas a nível global.

De acordo com o responsável comercial da Carclasse Jaguar Land Rover Lisboa, Frederico Santana, com o lançamento da nova geração deste SUV, o  concessionário «pretende reforçar a sua posição de liderança na marca e consequentemente ser o maior  em número de vendas deste modelo».

Os comentários estão desactivados.