Desporto

FPF rejeita recontagem de títulos

Na sequência dos três pareceres apresentados e levados a votação, dois independentes e um do Sporting, a maioria dos doelegados daquele órgão (33) opôs-se à recontagem dos títulos. 

FPF rejeita recontagem de títulos

A Assembeia-Geral (AG) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) rejeitou esta quarta-feira a alteração na categorização das provas nacionais disputadas entre 1921 e 1938, mantendo-se assim a contagem de títulos atual no campeonato e na Taça de Portugal.

Na sequência dos três pareceres apresentados e levados a votação, dois independentes e um do Sporting, a maioria dos doelegados daquele órgão (33) opôs-se à recontagem dos títulos. 13 dos restantes delegados e sócios votaram a favoravelmente no primeiro parecer, oito votaram a favor do terceiro e apenas um deles votou favoravelmente ao segundo parecer.

O primeiro parecer levado a votação defendia que os vencedores do Campeonato de Portugal entre 1921/22 e 1933/34, e do Campeonato da Liga, disputado em simultâneo, a título experimental, entre 1934 e 1938, deviam ser declarados campeões nacionais, enquanto os vencedores do Campeonato de Portugal entre 1934/35 e 1937/38 deviam ser consagrados como vencedores da Taça de Portugal.

O segundo identificava o Campeonato de Portugal como antecessor da Taça de Portugal, que começou a ser disputada em 1938/39, e o Campeonato da Liga como correspondente do campeonato nacional.

Por fim, o terceiro parecer, apresentado pelo Sporting, que venceu o Campeonato de Portugal em 1922/23, 1933/34, 1935/36 e 1937/38, defendia o reconhecimento destes títulos como de campeão nacional.

Recorde-se que esta competição foi ganha pelo FC Porto quatro vezes (1921/22, 1924,25, 1931/32 2 1936/37), três vezes pelo Benfica (1929/30, 1930/31 e 1934/35) e pelo Belenenses (1926/27, 1928/29 e 1932/33) e uma pelo Olhanense (1923/24), pelo Marítimo (1925/26) e pelo Carcavelinhos (1927/28).

Por outro lado, o Benfica ganhou o Campeonato da Liga, ou Liga Experimental três vezes (1935/36, 1936/37 e 1937/38), depois de o FC Porto ter vencido no ano de estreia (1934/35).

 

Os comentários estão desactivados.