Cultura

A coleção de receitas a saber 'a lar' que Maria de Lourdes Modesto partilhou com os portugueses

A 'Diva da Cozinha Portuguesa', pioneira dos programas de culinária na televisão nacional, morreu aos 92 anos. 


Durante os anos em que apresentou Culinária, programa na RTP que seria embrião do emblemático “Cozinha Tradicional Portuguesa”, Maria de Lourdes Modesto recebeu milhares de receitas dos telespetadores. Num dos seus legados para lá dos livros, deixou este acervo online.

Foram milhares de receitas que dizia ter recebido “generosamente” dos espetadores da RTP. E estão todas online, num dos legados mais recentes deixados por Maria de Lourdes Modesto, que faleceu esta terça-feira aos 92 anos de idade. Os mais antigos lembrar-se-ão do programa Culinária, onde durante 12 anos a professora do Liceu Francês de Lisboa popularizou o saber fazer na cozinha e a diversa gastronomia nacional. Corriam os anos 60 e estava ali o embrião dos seus livros mais famosos, entre os quais o Cozinha Tradicional Portuguesa, o livro de culinária que entrou em muitas casas como uma bíblia da portugalidade à mesa.

O resultado dos contributos dos espetadores, nem sempre satisfeitos com a versão das suas receitas de sempre apresentadas por Maria de Lourdes Modesto, ficou online em 2018, numa iniciativa que juntou a gastrónoma e a Associação de Cozinheiros Profissionais de Portugal. “Os espetadores de então aspiravam a que nos ecrãs se exibisse a cozinha de que gostavam e lhes sabia a lar: a Cozinha Tradicional Portuguesa. Exigiram à apresentadora do programa de culinária, que eu era, que mostrasse ao País o que de bom se fazia nas cozinhas das suas casas. Satisfazê-los não foi fácil, pois cada receita pode apresentar dez ou mais variantes”, escrevia Maria de Lourdes Modesto há três anos.

Foi então que decidiu, em 1961, lançar o concurso para eleger as melhores receitas. “Chegavam aos caixotes e um júri, constituído pelo feroz crítico do Porto, Daniel Constant, o Chef João Ribeiro (o melhor de todos), uma professora de culinária de reconhecido mérito e eu própria atribuíamos um prémio à melhor receita do mês correspondendo a uma das províncias continentais”. E foram essas receitas, a base do que viria a ser o livro Cozinha Tradicional Portuguesa, que ficaram online, numa viagem ao passado e à cozinha que sabe a “lar”. Nesta página - https://www.acpp.pt/maria-de-lourdes-modesto - encontra todas as receitas, com os nomes dos autores amadores que as enviaram então à "diva" que agora partiu, seja uma açorda de miolos de porco à moda de Lamego ou, descendo ao Algarve, o arroz de lingueirão.

Os comentários estão desactivados.