Conteúdo patrocinado

China propõe medidas para o desenvolvimento global

No passado dia 24 de Junho, o Presidente chinês Xi Jinping presidiu à sessão designada por Diálogo de Alto Nível sobre Desenvolvimento Global.

China propõe medidas para o desenvolvimento global

Conteúdo Patrocinado. Artigo publicado em parceria com a Associação Portuguesa de Imprensa 

No discurso de abertura, evocou o seu próprio passado enquanto camponês numa pequena aldeia no planalto de Loess, no final dos anos 60, onde sentiu as dificuldades da população local. Meio século depois, revisitou a sua terra natal e viu que “as antigas preocupações com a alimentação e o vestuário, foram substituídas por sorrisos de felicidade".

Com esta experiência pessoal, o líder chinês quis demonstrar que, seja qual for o país ou continente onde se vive, seja no campo ou na cidade, o desejo de cada pessoa por uma vida feliz é sempre o mesmo. Segundo Xi Jinping, "só através do desenvolvimento contínuo é possível realizar o sonho do povo de uma vida pacífica e de estabilidade social".

A urgência do desenvolvimento é ainda mais relevante no contexto actual de mudança que se sobrepõe à pandemia. A economia global está a lutar para recuperar, a divisão Norte-Sul do desenvolvimento está a alargar-se e a cooperação internacional para o desenvolvimento carece de impulso. Cerca 1,2 mil milhões de pessoas em 70 países de vários Continentes enfrentam epidemias, crises alimentares, energéticas e de dívida. Por tudo isto, a implementação da Agenda para o Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas para 2030 foi duramente afectada.

Como pode ser tratado o "défice de desenvolvimento"? A resposta é colocar o desenvolvimento no centro da agenda internacional.

Em Setembro do ano passado, o Presidente Xi propôs uma iniciativa de desenvolvimento global na Assembleia Geral das Nações Unidas, pressionando a comunidade internacional a recentrar-se nas questões de desenvolvimento. Este Diálogo de Alto Nível sobre Desenvolvimento Global marca o início da aplicação dessa iniciativa.

Xi Jinping propôs ainda a criação de um padrão de desenvolvimento que seja equilibrado, coordenado e inclusivo, com cooperação vantajosa para todos e prosperidade comum. Assim, apelou à "construção de um consenso internacional, cultivando novas dinâmicas e uma parceria global para o desenvolvimento".

Sublinhando que a China tem sido sempre coerente nas suas palavras e acções, o Presidente Xi anunciou diversas iniciativas destinadas a contribuir para o desenvolvimento global.

Entre elas, destaque para a criação do Fundo de Desenvolvimento Global e Cooperação Sul-Sul, o aumento do investimento no Fundo China-ONU para a Paz e Desenvolvimento, o estabelecimento de um centro de promoção para o desenvolvimento global e de uma rede global de conhecimento para o desenvolvimento

As 32 iniciativas apresentadas abrangem as seguintes áreas: redução da pobreza, segurança alimentar, anti-pandemia e vacinas, financiamento para o desenvolvimento, alterações climáticas e desenvolvimento verde, industrialização, economia digital e conectividade na era digital.

Segundo os dirigentes chineses, “esta é a mais recente contribuição da China para mobilizar recursos e acelerar a implementação da Agenda para o Desenvolvimento Sustentável de 2030”. E sublinham:

“Estas iniciativas visam o bem-estar de toda a Humanidade e fornecem orientações aos países de mercados emergentes e aos países em desenvolvimento para superar os desafios do desenvolvimento”.

Os comentários estão desactivados.