Sociedade

Greve da Lufthansa afecta ligações com Portugal

A Lufthansa vai cancelar dez ligações entre Portugal e Alemanha na próxima quarta-feira, na sequência da greve dos pilotos que afectará cerca de 750 voos da companhia aérea alemã. 

De acordo com fonte oficial da companhia aérea, serão afectados quatro voos com partida no aeroporto de Lisboa, com destino a Munique e Frankfurt, e outros quatro com origem nestas cidades alemãs com destino ao aeroporto da Portela. 

Serão ainda afectadas dois voos, um com origem em Frankfurt e destino o aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto, e a ligação de regresso a Frankfurt. 

Os passageiros com reservas para os voos afectados devem consultar a página da Lufthansa na Internet, onde podem obter informação sobre a reprogramação das suas viagens, adiantou à Lusa fonte oficial da transportadora. 

A companhia aérea alemã anunciou hoje o cancelamento de 750 voos previstos para quarta-feira na Alemanha e na Europa devido a uma greve de pilotos.

"Dos 1.400 voos da companhia Lufthansa inicialmente previstos para quarta-feira, vamos cancelar 750", o que afectará 80 mil passageiros, disse à France Presse um porta-voz do grupo. 

As filiais Germanwings, Swiss e Austrian Airlines não serão afectadas pela greve.

Esta será a 12.ª paralisação dos pilotos desde Abril. 

A Lufthansa disse que o custo das greves no ano passado ascendeu a 232 milhões de euros.

Os pilotos da Lufthansa contestam as condições para o fim de carreira e querem manter a possibilidade de passar à pré-reforma aos 55 anos com 60% do salário.

Lusa/SOL