Internacional

Casa Branca comenta vitória de David Cameron

A Casa Branca afirmou hoje que o Presidente norte-americano, Barack Obama, está "orgulhoso" da forte ligação estabelecida ao longo dos anos com o primeiro-ministro britânico, David Cameron, e que espera, no futuro, prosseguir com essa relação. 

"Esta é uma prova da força de uma democracia vibrante", disse, em declarações ao canal de informação norte-americano CNN, o porta-voz da Casa Branca (sede da Presidência norte-americana), Josh Earnest, em reacção à expressiva vitória eleitoral dos Conservadores britânicos.

"O Presidente está orgulhoso da forte relação de trabalho que desenvolveu com David Cameron ao longo dos anos e está ansioso para continuar a fortalecer esse relacionamento pessoal", afirmou Earnest.

O porta-voz acrescentou que a administração norte-americana espera igualmente "continuar a aprofundar a relação entre os povos norte-americanos e britânico, uma vez que a relação próxima entre os dois governos tem servido muito bem os cidadãos dos dois países". 

O Partido Conservador, liderado por David Cameron, foi o grande vencedor das eleições gerais realizadas na quinta-feira no Reino Unido, ao ter conquistado uma maioria absoluta de pelo menos 326 deputados, quando estavam oficialmente eleitos 643 dos 650 membros da Câmara dos Comuns.

As sondagens pré-eleitorais, que colocavam os dois principais partidos britânicos -- Conservador e Trabalhista -- praticamente empatados, acabaram por estar totalmente erradas.

Os trabalhistas, liderados por Ed Miliband, sofreram uma pesada derrota, ao elegerem 230 deputados, menos 48 que em 2010.

Lusa/SOL