Desporto

Quatro jogadores do Vianense notificados pelo SEF para deixar o país

Quatro jogadores do Sport Clube Vianense, três angolanos e um brasileiro, em situação ilegal, foram notificados pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) para abandonarem voluntariamente Portugal, disse hoje à Lusa fonte da direção do clube.

DR  


Contactada pela agência Lusa, fonte da direção do clube adiantou que "este caso não está relacionado com a inspeção realizada pelo SEF", na quarta-feira, em que foram notificados seis estrangeiros em situação ilegal para abandonarem voluntariamente Portugal na sequência de várias ações de fiscalização a diversas associações desportivas.

Segundo aquela fonte, "a situação dos três angolanos em situação ilegal já tinha sido reportada ao SEF em outubro, informando da decisão dos três jovens de abandonar Portugal, voluntariamente, para regularizar o processo de legalização, no país de origem".

Os três jogadores abandonam Portugal no próximo dia 25.

Já o jogador brasileiro Eric, adiantou a fonte da direção do clube de Viana do Castelo, "pediu reavaliação do processo de legalização e vai permanecer no país".

Os três jogadores angolanos chegaram ao clube no início da época passada e o jogador brasileiro ingressou esta temporada na equipa que disputa a serie A do Campeonato de Portugal, ex-Campeonato Nacional de Séniores.

O avançado brasileiro foi utilizado, pela primeira vez, na equipa sénior do Vianense na penúltima jornada, frente ao Vilaverdense, e foi titular, no domingo passado, tendo até marcado um dos dois golos da vitória frente ao Pedras Salgadas, jogo que contou também com a prestação de um dos angolanos, substituído ao intervalo.

Os outros dois angolanos nunca chegaram a jogar pela equipa principal, tendo sido sempre utilizados na equipa B do clube da capital do Alto Minho.

O Vianense, que perdeu com o Benfica na terceira eliminatória da Taça de Portugal, encontra-se no sétimo lugar da sua série com 11 pontos.

Lusa/SOL