Internacional

Terceiro corpo encontrado no apartamento de Saint-Denis

Um terceiro corpo foi encontrado no prédio de Saint-Denis que esteve sob cerco policial na sequência dos ataques de sexta-feira em Paris, anunciou, em comunicado, a Procuradoria de Paris.

Entre os escombros foi descoberto o corpo de uma mulher, que as autoridades ainda não identificaram, quando a polícia passava a casa a pente fino. 

Esta é assim a segunda mulher a morrer durante a investida policial ao prédio em Saint-Denis, onde morreu também o homem tido como o cérebro dos ataques de 13 de novembro, Abdel Hamid Abaaoud. 

Entretanto, a TF1 avança que já foi formalmente identificada a mulher que se fez explodir durante o mesmo cerco. A identidade de Hasna Aitboulahcen, que será prima de Abaaoud, foi confirmada através das suas impressões digitais.

A pista sobre a localização de Abaooud chegou nomeadamente através de escutas ao telefone de Hasna, que há muito vinha a ser alvo de investigação - primeiro por tráfico de estupefacientes e depois pela sua eventual ligação aos atentados de há uma semana.

Na revista ao edifício que as autoridades têm vindo a fazer, foi também encontrado o passaporte de Hasna, adiantou ainda a Procuradoria da capital francesa.

joana.andrade@sol.pt