Sociedade

Portugal apresenta risco de financiamento de terrorismo

Portugal apresenta elevados riscos de financiamento de terrorismo.


A conclusão é do relatório do ministério da Justiça que avaliou os riscos de branqueamento de capitais e de financiamento das cenas de terror do Estado Islâmico.

Entre outras conclusões, o relatório sugere algumas alterações legislativas. Deve ser unificada a moldura penal para o crime de branqueamento, deve passar a haver limite de movimentos em numerário e, entre outras coisas, deve ser incentivada a aplicação de regras de contabilidade clara para as organizações que não têm fins lucrativas.