Desporto

Mundial 2018. Inglaterra vence Tunísia com dois golos de Harry Kane

Inglaterra ganhou por duas bolas a uma no jogo contra a Tunísia

Esta segunda-feira, no segundo jogo do grupo G do Mundial, Inglaterra e Tunísia estiveram em campo, com os ingleses a conseguir uma vitória muito sofrida (2-1) mesmo nos últimos momentos do confronto.

A partida até nem começou mal para os ingleses, que colecionaram oportunidades de perigo até ao golo inaugural, apontado pelo inevitável Harry Kane logo aos 11 minutos. Pouco depois, a Tunísia teve de trocar de guarda-redes, dada a lesão do titular Hassen - que havia feito uma grande defesa no lance do golo, sendo depois impotente para travar a recarga do capitão inglês.

Tudo parecia encaminhado para a Inglaterra, até que aos 35' Kyle Walker, num lance absolutamente infantil, cometeu grande penalidade sobre Ben Youssef. Sassi cobrou o castigo máximo e levou o jogo em 1-1 para o intervalo. No segundo tempo, os ingleses foram uma sombra da equipa da primeira parte: acumularam erros e decisões precipitadas que impediram a chegada ao golo triunfal. Até aos 90'+1', quando Kane - quem mais podia ser? - apareceu sozinho ao segundo poste a desviar um primeiro cabeceamento de Maguire para a tão ansiada vitória.

Inglaterra entra assim no Mundial com um triunfo - o primeiro em oito anos na prova - e iguala a Bélgica, que pouco antes havia batido o Panamá por claros 3-0. Segue-se, no próximo domingo, um embate com os panamiamos: em caso de vitória, os ingleses podem desde logo garantir o apuramento para os oitavos-de-final - o mesmo acontecendo com os belgas no embate com a Tunísia.