Desporto

Espanha. "Ausência de Ronaldo não afeta quase nada"

Javier Tebas, presidente da liga espanhola, considera que o CR7 "não é indispensável" para o sucesso da competição

Javier Tebas, presidente da liga espanhola, considera que Cristiano Ronaldo "não é indispensável" para o sucesso do campeonato espanhol. O líder do organismo que rege o futebol no país vizinho não deixa de lamentar a saída do internacional português para a Juventus, mas acredita que a liga espanhola continua a ser igualmente interessante para os espetadores.

"É evidente que preferia vê-lo em La Liga, como preferia continuar a ver Mourinho e Guardiola, mas Ronaldo não é indispensável. A sua ausência não afeta quase nada, na verdade", salientou, em entrevista ao jornal francês "L'Équipe". Tebas, de resto, fez ainda uma comparação com o campeonato inglês para justificar a sua ideia de que a liga espanhola continua a ser atrativa: "Posso dar o exemplo da Premier League, que não vence a Liga dos Campeões ou a Bola de Ouro, mas que, como marca, é extremamente forte."

Já em declarações ao "Le Parisien", Javier Tebas assumiu o seu descontentamento por não haver qualquer sanção ao PSG - e também ao Manchester City - devido ao incumprimento do Fair-Play Financeiro. "Sou cético. Um clube que não cumpriu as regras não devia estar a disputar a Liga dos Campeões. Desejo que o futebol seja economicamente equilibrado, que não haja atalhos para se construir um grande clube, porque isso põe em perigo a estrutura económica global do futebol", frisou.