Sociedade

Jovem de 21 anos suspeito de incendiar casa da ex-namorada por ciúmes e vingança

O suspeito ficou sujeito à medida de coação processual de prisão preventiva

Um jovem, de 21 anos, foi detido pela Polícia Judiciária (PJ), com a colaboração do posto da Guarda Nacional Republicana de Pernes, suspeito de regar a habitação da ex-namorada com gasolina e atear um incêndio na zona de Santarém.

Segundo um comunicado da PJ, os factos ocorreram no passado dia 20 de janeiro “quando o presumível autor, aparentemente por razões fúteis, ciúmes e vingança" provocou o incêndio na residência da ex-namorada, "tendo para o efeito partido janelas e regado o local com gasolina que ateou com um isqueiro".

A habitação da vítima e todo o mobiliário e os bens pertencentes à mesma ficaram completamente destruídos.

A mesma nota refere ainda a inexistência de danos pessoais devido ao facto da vítima e das duas filhas menores não se encontrarem em casa no momento do incidente.

O suspeito ficou sujeito à medida de coação processual de prisão preventiva.