Internacional

Comissão de Von der Leyen recebe 'luz verde' do Parlamento Europeu

Entre os partidos portugueses com representação na assembleia europeia, PS, PSD e CDS votaram a favor do novo colégio, enquanto o o Bloco de Esquerda e o PCP votaram contra. O PAN absteve-se.

O Parlamento Europeu aprovou, esta quarta-feira, a comissão de Ursula Von der Leyen, na qual Elisa Ferreira está responsável pela pasta da Coesão e Reformas.

O novo colégio foi aprovado pelos eurodeputados com 461 votos a favor, 157 contra e 89 abstenções.

A comissão que sucede à de Jean-Claude Juncker vai iniciar funções no dia 1 de dezembro. A luz verde foi dada à comissão com quase um mês de atraso, depois de ter havido complicações com um comissário britânico, por causa do Brexit, e ao chumbo dos candidatos de França, Hungria e Roménia.

Entre os partidos portugueses com representação na assembleia europeia, PS, PSD e CDS votaram a favor do novo colégio, enquanto o o Bloco de Esquerda e o PCP votaram contra. O PAN absteve-se.

Ursula Von der Leyen definiu a questão das alterações como uma prioridade, num discurso que antecedeu à votação. A presidente da Comissão Europeia elogiou a comissária portuguesa, dizendo que, para o lugar não conseguia "pensar em alguém melhor que Elisa Ferreira para o fazer".