Politica

PSD. Deputado assume problema de alcoolismo

Pedro Rodrigues, deputado do PSD, que está a tentar apresentar um projeto de resolução para referendar a eutanásia, não esteve no debate no Parlamento. E assumiu que tem um problema de alcoolismo, assegurando que tem " sofrido ataques pessoais inaceitáveis".

O deputado do PSD Pedro Rodrigues assumiu esta quinta-feira que tem um problema de alcoolismo."Alcoolismo| Sim tenho um problema de alcoolismo. É um tema que apenas diz respeito à minha intimidade e à minha familia. Tenho vivido esse tema com o firme apoio da minha mulher e da minha familia", começou por escrever o parlamentar na rede social Facebook.  A confissão tinha um motivo. "Além do sofrimento pessoal em que estou mergulhado tenho sofrido ataques pessoais inaceitáveis. A ideia de que não posso assumir uma posição politica de principio, porque alguém considera que não sou capaz é algo que me repugna profundamente. Não estarei hoje na Assembleia da Republica como devia. Peço desculpa aos que acreditam em mim. Mas não consigo faze-lo... Estarei junto dos meus sempre... Mas jamais deixarei de lutar intransigentemente por aquilo em que acredito...", escreveu o deputado.

O parlamentar protagonizou nas últimas 48 horas um momento polémico ao tentar liderar uma iniciativa, dentro do PSD, para apresentar um projeto de resolução de referendo sobre a eutanásia. Na bancada, a direção avisou que a proposta foi feita à revelia e não tinha "sentido de oportunidade". Houve, aliás, a indicação da demarcação de alguns deputados, depois de terem dado um sinal de que estariam dispostos a aprovar a ideia.