Economia

Covid-19. Liberty Seguros doa 250 mil euros aos Médicos Sem Fronteiras

Esta ação permitiu aos Médicos Sem Fronteiras em Portugal visitar lares e casas de repouso no sentido de apoiar profissionais e prevenir a transmissão da doença.

A seguradora Liberty doou 250 mil euros à organização internacional humanitária Médicos Sem Fronteiras, com a finalidade de apoiar os profissionais médicos que estão na Europa a responder às necessidades geradas pela pandemia de covid-19.

 “Na Liberty queremos que as pessoas se sintam seguras. Por esse motivo, enquanto empresa socialmente responsável, acreditamos que é nossa obrigação fazer um esforço para apoiar os profissionais que trabalham diariamente para proteger as pessoas e que estão a ajudar a travar esta crise. Também queremos agradecer-lhes por tudo que estão a fazer pelos nossos colaboradores, clientes, mediadores e parceiros, pelas nossas famílias e pela nossa sociedade como um todo”, explica Tom McIlduff, CEO da Liberty na Europa.

Através das suas operações em Portugal, Espanha, Irlanda e Irlanda do Norte, a Liberty está a concentrar os seus esforços nos locais onde a pandemia está a ter maior impacto e junto dos grupos sociais mais vulneráveis: idosos, sem abrigo e migrantes. Dessa forma, as suas linhas de trabalho dividem-se em três áreas: suporte técnico e estratégico e assessoria a hospitais e centros de saúde; trabalho de aconselhamento, formação e apoio em casas de repouso e apoio a grupos vulneráveis, como sem abrigo e migrantes.

Em Portugal, as equipas da organização já estão a visitar lares e casas de repouso no sentido de apoiar as autoridades e as equipas de gestão a capacitar pessoas e a estabelecer medidas básicas de higiene e de prevenção de transmissão da doença.

Em comunicado, a seguradora refere que desde que iniciou, a 11 de abril, as atividades de apoio na resposta à pandemia em Portugal, a Médicos Sem Fronteiras fez visitas em 14 lares de idosos, dos quais sete com ação presencial na zona de Pombal, Coimbra e Lisboa. As restantes foram feitas de forma virtual. Foi também dado arranque ao mapeamento de necessidades para expandir igualmente, ainda esta semana, essas ações à Área Metropolitana do Porto.

A organização humanitária ativou um endereço de email destinado especificamente a profissionais de saúde e cuidadores, a gestores de serviços e de estruturas e a coordenadores e autoridades na resposta à pandemia que desejem solicitar o apoio das equipas Médicos Sem Fronteiras em Portugal: apoiocovid19@msf.org.