Politica

PCP vai votar contra Orçamento Suplementar

Após ter sido questionado sobre a possibilidade de criação de um bloco central, o deputado criticou a "convergência entre PS e PSD".

O líder parlamentar do PCP afirmou, esta quinta-feira, que o partido irá votar contra o Orçamento Suplementar. A declaração foi feita durante uma conferência de imprensa, no Parlamento, convocada por João Oliveira. “É a constatação da avaliação negativa que o PCP fez na especialidade”, afirmou. Esta é a primeira vez que, desde 2015, o partido vota contra um orçamento.

“Concluída a votação na especialidade verifica-se que os aspetos negativos da proposta do Governo se mantêm, e mantém-se o desequilíbrio entre os benefícios e privilégios ao capital e a falta de resposta aos problemas dos trabalhadores”, disse.

Após ter sido questionado sobre a possibilidade de criação de um bloco central, o deputado criticou a "convergência entre PS e PSD".

Ainda quanto ao orçamento em questão, João oliveira afirmou que o documento era "muito desfasado da situação económico que o país vive". "Não é um orçamento que o PCP possa aprovar”, garantiu, acrescentando que o partido prosseguirá com uma política "patriótica e de esquerda".