Sociedade

Equipa militar alemã vai ser colocada no Hospital da Luz em Lisboa

Equipa de militares enviada por Berlim chega a Portugal pela hora do almoço. 

A equipa militar alemã, que esta quarta-feira chega a Portugal, vai ser colocada no Hospital da Luz, em Lisboa.

Fonte do Ministério da Saúde avançou ao i que os médicos e enfermeiros militares serão colocados no Hospital da Luz, que já está a apoiar o Serviço Nacional de Saúde (SNS) na resposta a doentes com covid-19.

De realçar que, na semana passada, depois da sobrecarga da rede de oxigénio no Amadora-Sintra, foi aberta uma enfermaria no Hospital da Luz para doentes do SNS enviados da Amadora. Na altura, a abertura foi feita com uma equipa do Amadora-Sintra.

O grupo Luz Saúde, contactado pelo i, não avançou até ao momento mais detalhes sobre operação. Segundo o i apurou, o Hospital da Luz tem neste momento metade da capacidade de internamento dedicada à covid-19, entre doentes transferidos do SNS e doentes a título particular. 

A CUF confirmou entretanto ao i que foi também contactada pelo Ministério da Saúde com vista à disponibilização de oito camas de cuidados intensivos para acolher a equipa de profissionais alemães, “tendo demonstrado a sua disponibilidade para acolher esta equipa”. 

“O Ministério da Saúde optou por alocar estes profissionais noutra instituição”, diz a mesma fonte, que adianta que o grupo mantém disponibilidade para acolher equipas no futuro se tal necessidade vier a verificar-se.

A equipa alemã enviada por Berlim inclui, segundo a imprensa alemã, 26 elementos - oito médicos, enfermeiros e auxiliares. Trazem ainda material, que inclui ventiladores portáteis, 150 camas articuláveis e bombas de infusão, usadas em cuidados intensivos.

O i sabe que neste momento há mais de 500 doentes com covid-19 encaminhados pelo SNS para unidades de saúde do setor social e privado, entre outras estruturas de natureza militar.