Sociedade

Detido por sequestrar e manter sogro em "condições desumanas" em Matosinhos

Idoso estava trancado no quarto e em condições desumanas. 

Um homem, de 28 anos, foi detido pela GNR esta segunda-feira, no concelho de Matosinhos, por violência doméstica e sequestro.

Em comunicado, esta terça-feira, a força de segurança revela que apurou que o suspeito mantinha fechado à chave, no interior de um quarto da residência, o seu sogro de 71 anos. “A vítima encontrava-se privada da sua liberdade, não podendo aceder aos demais compartimentos da casa, vivendo sem condições de higiene sanitária”, lê-se.

O homem não era visto pelos vizinhos há mais de um mês e o suspeito “passou a controlar a sua conta bancária, bem como a sua pensão de reforma”. Perante a gravidade dos factos, foi realizada uma busca domiciliária, “tendo sido possível verificar que o idoso se encontrava fechado à chave no seu quarto e em condições desumanas, o que levou à detenção do suspeito em flagrante”.

A vítima foi conduzida para uma unidade hospitalar para observações e avaliação médica.

O detido foi presente a primeiro interrogatório ontem no Tribunal de Instrução Criminal de Matosinhos, onde lhe foram aplicadas as medidas de coação de afastamento da residência da vítima, proibição de contactar a vítima por qualquer meio ou forma e proibição de se aproximar dos locais habitualmente frequentados por esta e pelas testemunhas do processo, não se podendo aproximar num raio de 500 metros.

A ação policial contou com o reforço do Destacamento de Intervenção (DI) do Porto, e com o apoio do Delegado de Saúde de Matosinhos e dos Bombeiros Voluntários de Matosinhos.