Politica

Mais de 13 mil eleitores em confinamento e em lares vão votar antecipadamente

Entre os dias 20 e 23 de janeiro, inscreveram-se 397 cidadãos na modalidade de voto antecipado em confinamento decretado pelas autoridades de saúde devido à covid-19 e 12.721 cidadãos internados em estruturas residenciais para idosos


O número total de inscritos para o voto antecipado em confinamento devido à covid-19 e em lares de idosos, entre terça-feira e quarta-feira, é de 13.118, indicou o Ministério da Administração Interna (MAI).

De acordo com o MAI, cita a Lusa, entre os dias 20 e 23 de janeiro, inscreveram-se 397 cidadãos na modalidade de voto antecipado em confinamento decretado pelas autoridades de saúde devido à covid-19 e 12.721 cidadãos internados em estruturas residenciais para idosos.

Estes cidadãos votam na terça-feira e quarta-feira, sendo os boletins recolhidos nos respetivos domicílios por equipas das câmaras municipais, acompanhadas por representantes dos partidos.

Além desta possibilidade de votar em confinamento, os eleitores que se encontrem em isolamento obrigatório devido à covid-19 vão poder votar presencialmente no domingo, depois de o Governo abrir uma exceção para que os eleitores nessa situação possam sair de casa para votar num período específico, entre as 18h e as 19h.

Os comentários estão desactivados.